A língua no dia a dia – Página: 4 – Gramática On-line
21 de agosto de 2014

O político mais bem avaliado

Vários amigos me telefonaram ou me enviaram mensagens eletrônicas para me perguntar sobre um outdoor que propagava a avaliação de um político londrinense no Brasil, julgando a frase “no mínimo estranha”, como disse um deles. A frase diz que o político é o mais bem avaliado. O adequado não seria “melhor avaliado”?
12 de agosto de 2014

“Que não seja imortal posto que é chama”

Uso de licença poética por Vinícius.
12 de agosto de 2014

Ele se precaveu…

Veja a conjugação do verbo precaver.
30 de julho de 2014

Irei a São Paulo = Irei para São Paulo?

É muito comum os estudantes do Ensino Médio julgarem que as preposições a e para têm os mesmos usos já que em alguns casos isso é verdadeiro, como em comprar algo a alguém ou comprar algo para alguém. Isso, porém, não ocorre com muitos verbos; a maioria, aliás, que exige a preposição a não admite a preposição para.
28 de julho de 2014

Já requereu o passaporte?

Alguns verbos trazem muitas dificuldades aos estudantes e estudiosos da Língua Portuguesa. A maioria dos verbos é regular, ou seja, não sofre mudanças em sua conjugação; os irregulares e os anômalos, porém, sofrem-nas; e os defectivos não têm a conjugação completa.
26 de julho de 2014

Após o desfile acontecerá o Baile Popular, durante o qual haverá a premiação dos blocos

Na frase apresentada, já há as devidas correções para que o leitor não tenha, à primeira vista, a impressão errônea de que o inadequado possa ser o conveniente. O que li num site destinado a quem deseja conhecer novos lugares e se aventurar nas diversões oferecidas foi o seguinte: Após o desfile acontece o Baile Popular, onde acontece a premiação dos blocos.
26 de julho de 2014

Foi assistido é inadequado.

Um participante de um desses programas televisivos de esportes falou a seguinte frase: “Deve-se respeitar um evento que foi assistido pelo mundo todo!” Muitos já utilizaram frases semelhantes a essa sem perceber que é inadequada ao padrão culto da língua.
26 de julho de 2014

Felipão pode pedir que Neymar force o segundo cartão amarelo.

Numa publicação jornalística, havia a seguinte frase: “Felipão pode pedir para Neymar forçar segundo cartão contra o México”. Observe, porém, que essa frase foi reescrita de maneira diferente no título de nossa coluna