Pronomes – Página: 4 – Gramática On-line
1 de março de 2014

Pronomes indefinidos

Os pronomes indefinidos referem-se à terceira pessoa do discurso de uma maneira vaga, imprecisa, genérica.
1 de março de 2014

Pronomes demonstrativos

Pronomes demonstrativos são aqueles que situam os seres no tempo e no espaço, em relação às pessoas do discurso.
21 de fevereiro de 2014

Pronomes possessivos

São aqueles que indicam posse, em relação às três pessoas do discurso. São eles: meu(s), minha(s), teu(s), tua(s), seu(s), sua(s), nosso(s), nossa(s), vosso(s), vossa(s).
21 de fevereiro de 2014

Pronomes de tratamento

São pronomes empregados no trato com as pessoas, familiarmente ou respeitosamente. Embora o pronome de tratamento se dirija à segunda pessoa, toda a concordância deve ser feita com a terceira pessoa.
21 de fevereiro de 2014

O pronome relativo cujo.

Este pronome indica posse (algo de alguém). Na montagem do período, deve-se colocá-lo entre o possuidor e o possuído (alguém cujo algo).
21 de fevereiro de 2014

Os pronomes relativos qual, onde e quanto.

Regras sobre os usos dos pronomes relativos qual, onde e quanto.
21 de fevereiro de 2014

O pronome relativo quem.

O pronome relativo quem substitui um substantivo que representa uma pessoa, evitando sua repetição. Somente deve ser utilizado antecedido de preposição, inclusive quando funcionar como objeto direto, Nesse caso, haverá a anteposição obrigatória da prep. a, e o pronome passará a exercer a função sintática de objeto direto preposicionado.
21 de fevereiro de 2014

O pronome relativo que.

Este pronome deve ser utilizado com o intuito de substituir um substantivo (pessoa ou coisa), evitando sua repetição. Na montagem do período, deve-se colocá-lo imediatamente após o substantivo repetido, que passará a ser chamado de elemento antecedente.