Crase diante da palavra “que” – Gramática On-line
Qual o plural de filé-mignon?
9 de julho de 2014
Se ele vier ou Se ele vir?
9 de julho de 2014

Crase diante da palavra “que”

Pergunta:
A diferenciação entre profissionais, à que o autor faz referência, tem como critério um padrão ético, de cujo depende o rumo do processo civilizatório.
Na frase “a que o autor faz referência”, gostaria de saber por que o emprego de crase é inadequado? Muito obrigado pela sua atenção; sou fã de seu trabalho.

 

Resposta:
Só haverá crase diante do vocábulo “que” quando antes dele surgir a preposição “a” e o pronome demonstrativo “a(s)“, que poderá ser substituído por outro pronome demonstrativo (esta, essa, aquela). Veja este exemplo:
– Sua camisa é idêntica à que comprei ontem.
Nessa frase, ocorre a preposição “a“, pois aquilo que é idêntico, é idêntico A outra coisa. Ocorre também o pronome demonstrativo “a“, pois pode-se substituir o “a” por “esta“: Sua camisa é idêntica a esta.
Como a preposição e o pronome demonstrativo antecedem o “que“, usa-se o acento indicador de crase.
Na frase apresentada, há somente a preposição; não há o pronome demonstrativo, por isso o acento indicador de crase está inadequado.
———————–
Está inadequado também o uso do pronome relativo “cujo“, que indica posse e fica entre dois substantivos – o possuidor e o possuído -, podendo haver preposiçõ antes dele.
Na frase apresentada, não há indicação de posse. Deve-se usar, então “que” ou “o qual“: “…um padrão ético do qual depende…”

 

– A diferenciação entre profissionais, a que o autor faz referência, tem como critério um padrão ético, do qual depende o rumo do processo civilizatório.