Gênero dos substantivos – Gramática On-line
Coletivos
8 de janeiro de 2014
Gênero vacilante
8 de janeiro de 2014

Gênero dos substantivos

Os substantivos, quanto ao gênero, são masculinos ou femininos. Quanto às formas, eles podem ser:

 

 

 

 

Substantivos Biformes:

Substantivos biformes são os que apresentam duas formas, uma para o masculino, outra para o feminino, com apenas um radical.

– menino – menina

– traidor – traidora

– aluno – aluna

 

 

 

Substantivos Heterônimos:

Substantivos heterônimos são os que apresentam duas formas, uma para o masculino, outra para o feminino, com dois radicais diferentes.

– homem – mulher

– bode – cabra

– boi – vaca

Substantivos Uniformes:

Substantivos uniformes são os que apresentam apenas um forma, para ambos os gêneros. Os substantivos uniformes recebem nomes especiais, que são os seguintes:

 

 

 

Comum de dois:

Os comuns de dois são os que têm uma só forma para ambos os gêneros, com artigos distintos: Eis alguns exemplos:

 

 

 

– o / a estudante
– o / a imigrante
– o / a acrobata
– o / a agente
– o / a intérprete
– o / a lojista
– o / a patriota
– o / a mártir
– o / a viajante
– o / a artista
– o / a aspirante
– o / a atleta
– o / a camelô
– o / a fã
– o / a gerente
– o / a médium
– o / a modelo (indivíduo contratado por agência ou casa de modas para desfilar com as roupas que devem ser exibidas à clientela)

o / a personagem
o / a presidente (mas também pode ser a presidenta)

o / a protagonista
– o / a puxa-saco
– o / a sem-terra
– o / a sem-vergonha
– o / a xereta

 

 

 

Sobrecomum:

Os sobrecomuns são os que têm uma só forma e um só artigo para ambos os gêneros: Eis alguns exemplos:

 

 

 

– o cônjuge
– a criança
– o carrasco
– o indivíduo
– o apóstolo
– o monstro
– a pessoa
– a testemunha
– o algoz
– o verdugo
– a vítima
– o tipo
– o animal
– o cadáver
– a criatura
– o dedo-duro
– o defunto
– o gênio
– o ídolo
– o nó-cego
– o pé-quente
– o pivô
– a sentinela
– o sujeito

 

 

 

Epiceno:

Os epicenos são os que têm uma só forma e um só artigo para ambos os gêneros de certos animais, acrescentando as palavras macho e fêmea, para se distinguir o sexo do animal. Eis alguns exemplos:

 

– a girafa
– a águia
– a barata
– a cobra
– o jacaré
– a onça
– o tatu
– a anta
– a arara
– a borboleta
– o canguru
– o caranguejo
– o crocodilo
– o escorpião
– a formiga
– a girafa
– a mosca
– o mosquito
– a pantera
– o pernilongo
– o piolho
– a piranha
– a rã
– a tartaruga
– o tatu
– o urubu
– a zebra

Algumas palavras que provocam dúvida quanto ao feminino:

– cônsul = consulesa
– frei = soror (pronuncia-se sorór)
– padre: madre
monge = monja
zangão (ou zângão) = abelha
– cavaleiro = amazona

 

Feminino com o sufixo -ISA:

 

cônego – canonisa
diácono – diaconisa
druída – druidisa
bispo – episcopisa
papa – papisa
píton – pitonisa
poeta – poetisa
profeta – profetisa
sacerdote – sacerdotisa