Orações subordinadas substantivas – Gramática On-line

Tudo o que você precisa saber sobre
Gramática está aqui!

Orações subordinadas adverbiais
20 de junho de 2018
Orações coordenadas
20 de junho de 2018

Orações subordinadas substantivas

 São seis as orações subordinadas substantivas, que são iniciadas por uma conjunção subordinativa integrante (que, se).

 



 

1) Subjetiva:

 

Funciona como sujeito da oração principal.

 

Existem três estruturas de oração principal que se usam com subordinada substantiva subjetiva:

 

1- Verbo de ligação + predicativo + oração subordinada substantiva subjetiva.

– É necessário que façamos nossos deveres.

 

2- Verbo unipessoal + oração subordinada substantiva subjetiva.

Verbo unipessoal só é usado na 3ª pessoa do singular; os mais comuns são convir, constar, parecer, importar, interessar, suceder, acontecer.

– Convém que façamos nossos deveres.

– Parece que vai chover.

– Importa que se dediquem com afinco.

 

3- Verbo na voz passiva + oração subordinada substantiva subjetiva.

– Foi afirmado que você subornou o policial.

– Sabe-se que você subornou o policial.

Nessa última frase, há a voz passiva sintética, estruturada com verbo transitivo direto e partícula apassivadora (o pronome se).

 



 

2) Objetiva Direta:

 

Funciona como objeto direto da oração principal.

 

(sujeito) + VTD + oração subordinada substantiva objetiva direta.

– Todos desejamos que seu futuro seja brilhante.

 



 

3) Objetiva Indireta:

 

Funciona como objeto indireto da oração principal.

 

(sujeito) + VTI + prep. + oração subordinada substantiva objetiva indireta.

– Lembro-me de que tu me amavas.

 



 

4) Completiva Nominal:

 

Funciona como complemento nominal de um termo da oração principal.

 

(sujeito) + verbo + adjetivo, advérbio ou substantivo abstrato + prep. + oração subordinada substantiva completiva nominal. 

A preposição é exigida pelo adjetivo / advérbio / substantivo abstrato. 

 

– Temos necessidade de que nos apoiem.

Nessa frase, a preposição de é exigida pelo substantivo abstrato necessidade.

 



 

5) Apositiva:

 

Funciona como aposto da oração principal; em geral, a oração subordinada substantiva apositiva vem após dois-pontos, ou, mais raramente, entre vírgulas.

 

oração principal + : + oração subordinada substantiva apositiva.

– Todos querem o mesmo destino: que atinjamos a felicidade.

 



 

6) Predicativa:

 

Funciona como predicativo do sujeito do verbo de ligação da oração principal.

(sujeito) + VL + oração subordinada substantiva predicativa.

– A verdade é que ele nunca se satisfaz com suas posses.

 



 

Nota: As subordinadas substantivas podem vir introduzidas por outras palavras além das conjunções integrantes:

 

Pronomes interrogativos (quem, que, qual…)

Advérbios interrogativos (onde, como, quando…)

 

Perguntou-se quando ele chegaria.

Não sei onde coloquei minha carteira.

 



 

As orações subordinadas substantivas podem ter retirada a conjunção integrante. Nesse caso, o verbo ficará no infinitivo, no gerúndio ou no particípio, e a oração passará a se denominar reduzida de infinitivo, reduzida de particípio ou reduzida de gerúndio.

 

– É necessário fazer os deveres. Essa é uma oração subordinada substantiva subjetiva reduzida de infinitivo.

– Os alunos fizeram a professora chorar. Essa é uma oração subordinada substantiva objetiva direta reduzida de infinitivo.

– Queira sempre o seguinte: estar bem consigo próprio. Essa é uma oração subordinada substantiva apositiva reduzida de infinitivo.