Chamar a atenção de alguém e chamar alguém à atenção – Gramática On-line

Gramática e Produção de textos
descomplicadas!

Chegue cedo, durma oito horas e alimente-se bem!
20 de junho de 2018
Se ele propuser ou Se ele propor?
20 de junho de 2018

Chamar a atenção de alguém e chamar alguém à atenção

O governador de certo estado brasileiro, insatisfeito com as palavras impensadas de seu assessor pessoal, repreendeu-o em público, causando mal-estar a todos os que presenciaram a grotesca cena.


Era mais ou menos isso que comentava o jornalista que assistiu ao esbregue do governador no pobre coitado do cidadão. O seu texto está todo certo, não há erro gramatical algum. O problema está no “título” do artigo, que era o seguinte: “Governador chama a atenção de assessor pela gafe cometida”.

 

O governador, porém, não “chamou a atenção do assessor”, já que chamar a atenção de alguém significa “atrair para si, angariar, despertar a atenção de alguém”. Nós, brasileiros, temos o costume de utilizar tal frase no sentido de repreender, não é mesmo?

 

Mas, nesse sentido, a expressão certa é “chamar alguém à atenção”, e não “chamar a atenção de alguém”. Se o governador chamou a atenção do assessor, quer dizer que aquele, o governador, atraiu a atenção deste, o assessor, devido a alguma ação praticada por ele. A frase certa seria então a seguinte:

 

– Governador chama assessor à atenção pela gafe cometida.