Demais x de mais – Gramática On-line

Gramática e Produção de textos
descomplicadas!

Foram eles quem falou ou falaram?
16 de maio de 2019
Manifestação pró-Bolsonaro. Está certo isso?
23 de maio de 2019

Demais x de mais

O vocábulo “demais” é um advérbio, portanto intensifica verbo, adjetivo ou outro advérbio. Por exemplo:

  • Ela fala demais. (intensifica o verbo “falar)
  • Ela é linda demais. (intensifica o adjetivo “linda”)
  • Ela fala bem demais. (intensifica o advérbio “bem”)

Eis os seus significados:

1- Além disso; ademais. Por exemplo:

– Não compareceu à reunião; demais, não atendeu aos telefonemas.


2- De modo bastante eficiente, forte. Por exemplo:

– Seu livro agradou demais ao público jovem.


Além do advérbio “demais”, há a locução adverbial “de mais”. Ambos são sinônimos no sentido de “em excesso; além da conta”. Por exemplo:

– “São demais os perigos dessa vida pra quem tem paixão” (Toquinho e Vinicius)

– São de mais os perigos dessa vida para quem tem paixão.



O vocábulo “demais” será pronome indefinido quando determinado pelo artigo (o demais, a demais, os demais, as demais), com o sentido de “os outros, as outras”. Por exemplo:

– Você está aprovado, os demais devem esperar o resultado final.

– Vocês têm de se apresentar agora, a demais gente fará isso mais tarde.



Como “demais” é advérbio, não pode intensificar substantivo. Portanto, nessa função, usa-se “de mais”. Por exemplo:

– Havia carros de mais na rodovia.

– Trouxe dinheiro de mais; deveria ter guardado o excesso.


A locução “de mais” pode também ser sinônima de “a mais”:

– Trouxe dinheiro de mais para alguma emergência.

– Trouxe dinheiro a mais para alguma emergência.

Nessa última acepção, prefira-se “a mais”.


Cuidado com alguns ‘estudiosos’ da Língua Portuguesa. Li uma explicação na internet, na qual o autor diz que “demais” é advérbio e exemplifica com a frase “tinha carros demais”. Advérbio não intensifica substantivo, e “carros” é substantivo. Erro básico.



Na frase apresentada, portanto, pode-se usar “demais” e “de mais”, pois o sentido é “em excesso, além da conta”:

Ela fala demais

Ela fala de mais.