Mesmo e próprio – Gramática On-line
Substantivo com dois ou mais adjetivos
16 de dezembro de 2013
Obrigado
20 de dezembro de 2013

Mesmo e próprio

1) Esses dois elementos, sendo pronomes demonstrativos de reforço, são sinônimos e concordam com o elemento a que se referem, ou seja, mesmo e próprio – masculino, singular –, mesmos e próprios – masculino, plural –, mesma e própria, feminino, singular – e mesmas e próprias, feminino, plural.

 

 

 

– Elas mesmas disseram a verdade.
– Eles próprios reconheceram o erro.
– Alô! Sou eu mesmo.
– Ela mesma me procurou para contar a verdade.

 

2) Se a palavra mesmo significar realmente, será advérbio, e, como tal, ficará invariável. Por exemplo:

 

– As meninas trouxeram mesmo o radialista!

 

3) Se a palavra mesmo tiver valor concessivo, ou seja, se significar embora, ainda que, será conjunção, e ficará invariável. Observe este soneto de Vinicius de Moraes:

 

Soneto de Fidelidade

 

De tudo, ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

 

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento.

 

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

 

Eu possa dizer do meu amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.

 

No verso ‘Que mesmo em face do maior encanto”, há a conjunção mesmo: “embora em face do maior encanto”.

 

Uma observação acerca do verso ‘Que não seja imortal, posto que é chama”: A locução conjuntiva “posto que” também tem valor concessivo, ou seja, também significa embora, ainda que. Vinicius, porém, não deu valor concessivo ao verso, e sim de causa, devendo, portanto, usar uma locução conjuntiva causal, como visto que.