Tempos derivados do infinitivo não flexionado – Gramática On-line
Tempos derivados do pretérito perfeito do indicativo
2 de abril de 2014
Tempos verbais compostos
3 de abril de 2014

Tempos derivados do infinitivo não flexionado

O infinitivo não flexionado forma o futuro do presente do indicativo, o futuro do pretérito do indicativo e o pretérito imperfeito do indicativo.

 


Futuro do presente do indicativo:

O futuro do presente do indicativo é obtido pelo acréscimo ao infinitivo das desinências -ei / ás / á / emos / eis / ão.

 

– cantar
Eu cantarei
Tu cantarás
Ele cantará
Nós cantaremos
Vós cantareis
Eles cantarão

– vender
Eu venderei
Tu venderás
Ele venderá
Nós venderemos
Vós vendereis
Eles venderão

– partir
Eu partirei
Tu partirás
Ele partirá
Nós partiremos
Vós partireis
Eles partirão.

 


Futuro do pretérito do indicativo:

O futuro do pretérito do indicativo é obtido pelo acréscimo ao infinitivo das desinências -ia / ias / ia / íamos / íeis / iam.

 

– cantar
Eu cantaria
Tu cantarias
Ele cantaria
Nós cantaríamos
Vós cantaríeis
Eles cantariam

– vender
Eu venderia
Tu venderias
Ele venderia
Nós venderíamos
Vós venderíeis
Eles venderiam

– partir
Eu partiria
Tu partirias
Ele partiria
Nós partiríamos
Vós partiríeis
Eles partiriam.


Exceções:

Os verbos fazer, dizer e trazer são conjugados no futuro do presente e no futuro do pretérito, seguindo-se as mesmas regras acima, porém sem as letras ze, sendo estruturados, então, assim: far-, dir-, trar- + as desinências.

 

– fazer
Eu farei
Tu farás
Ele fará
Nós faremos
Vós fareis
Eles farão

 

Eu faria
Tu farias
Ele faria
Nós faríamos
Vós faríeis
Eles fariam

 

– dizer
Eu direi
Tu dirás
Ele dirá
Nós diremos
Vós direis
Eles dirão

 

Eu diria
Tu dirias
Ele diria
Nós diríamos
Vós diríeis
Eles diriam

 

– trazer
Eu trarei
Tu trarás
Ele trará
Nós traremos
Vós trareis
Eles trarão

 

Eu traria
Tu trarias
Ele traria
Nós traríamos
Vós traríeis
Eles trariam

 


Infinitivo flexionado:

O infinitivo flexionado é obtido pelo acréscimo ao infinitivo não flexionado das desinências – / es / – / mos / des / em.

 

– cantar
Era para eu cantar
Era para tu cantares
Era para ele cantar
Era para nós cantarmos
Era para vós cantardes
Era para eles cantarem

– vender
Era para eu vender
Era para tu venderes
Era para ele vender
Era para nós vendermos
Era para vós venderdes
Era para eles venderem

– partir
Era para eu partir
Era para tu partires
Era para ele partir
Era para nós partirmos
Era para vós partirdes
Era para eles partirem

 


Pretérito imperfeito do indicativo:

O pretérito imperfeito do indicativo é obtido pela eliminação da terminação verbal -ar, -er, -ir do infinito não flexionado, acrescentando-se a desinência -ava- para os verbos terminados em -ar e a desinência -ia- para os verbos terminados em -er e -ir e, depois, as mesmas desinências número-pessoais para os verbos regulares ( – / s / – / mos / is / m). Na segunda pessoa do plural (vós), troca-se o -a por -e.

 

– cantar – ar + ava = cantava
Eu cantava
Tu cantavas
Ele cantava
Nós cantávamos
Vós cantáveis
Eles cantavam

– vender – er + ia = vendia
Eu vendia
Tu vendias
Ele vendia
Nós vendíamos
Vós vendíeis
Eles vendiam

– sorrir – ir + ia = partia
Eu partia
Tu partias
Ele partia
Nós partíamos
Vós partíeis
Eles partiam

 


Os verbos que não seguem as regras acima são ter, pôr, vir e ser.

 

– ter

Eu tinha
Tu tinhas
Ele tinha
Nós tínhamos
Vós tínheis
Eles tinham

– pôr
Eupunha
Tu punhas
Ele punha
Nós púnhamos
Vós púnheis
Eles punham

– vir
Eu vinha
Tu vinhas
Ele vinha
Nós vínhamos
Vós vínheis
Eles vinham

– ser
Eu era
Tu eras
Ele era
Nós éramos
Vós éreis
Eles eram